CBF Contrata Influenciadores para Apoiar a Seleção

Em um país cada vez mais mergulhado em absurdos de todos os tipos, de todas as naturezas, não há mais limites para a insanidade aqui no Brasil.

Evidentemente que a gente sempre se surpreende com determinadas ações que parecem ter saído de algum livro de loucuras e o universo do futebol não podia ser uma exceção no meio dessas barbaridades.

A mais recente é uma estapafúrdia tentativa de se criar uma uma barreira de proteção digital para diminuir o impacto da imensa rejeição que a Seleção Brasileira de futebol sofre nos dias atuais e com justiça. E não só isso, vai servir teoricamente para blindar a seleção de qualquer crítica que venha a ser feita durante a copa no Catar que vai acontecer daqui um tempinho.

É um absurdo imenso pensar que a alta cúpula da CBF chegou à conclusão que a melhor maneira de proteger a seleção das críticas é contratar um grupo de influenciadores digitais. Sim, isso mesmo. Seguindo os conselhos do departamento de marketing da identidade foram contratados vários influenciadores digitais: Podpah, Robin Hood Gamer, Júlio Cocielo, Tata Estaniecki, um canal chamado Reversão.

Os influenciadores terão a árdua tarefa de produzir material favorável ao nosso escrete canarinho em que amenidades divertidas vão servir para tornar a imagem da seleção mais simpática para o povaréu que não sabe nada de futebol, e é pra isso que vai servir essa turma.

Se você quiser saber a minha opinião completa a respeito da CBF contratando influenciadores para apoiar a seleção na copa do mundo 2022, clique no botão abaixo para assistir ao vídeo completo.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress