Rita Lee – A História Não Contada dos seus Discos

Eu sei que você pensa que realmente conhece o trabalho da Rita Lee, mas certamente sempre cita as mesmas músicas para demonstrar esse conhecimento – não coincidentemente, todos os chamados hits de rádio que ela teve ao longo da carreira são sempre mencionados pelas pessoas. Por isso, decidi fazer este vídeo para que você e seus filhos tomem contato com três discos absolutamente incríveis que ela lançou e que precisam ser degustados integralmente do início ao fim, na ordem que estão nos discos, da primeira à última faixa. Tenho certeza de que você e sua família ficarão impressionados com essas descobertas. Os três discos que apresentarei são tesouros inestimáveis não apenas do rock nacional, mas de toda a música brasileira em geral. São álbuns que funcionam como cápsulas do tempo, capturando a essência de uma época tumultuada e transformando tudo em arte completamente atemporal.

Aproveitando que hoje é muito fácil ouvir qualquer coisa a qualquer hora e em qualquer lugar, recomendo que você mergulhe profundamente na obra dessa inegável musa do rock and roll do pop nacional, cuja voz, apesar de limitada em alcance, compensava com autênticos gritos de liberdade expressos em suas letras sensacionais. Tenho certeza de que vocês atravessarão corredores sombrios e transitarão por avenidas ensolaradas criadas pela maravilhosa mente musical de Rita Lee.

Logo de cara, você e seus filhos têm que ouvir na íntegra “O Extraordinário Fruto Proibido” da Rita Lee, lançado em 1975, que é indiscutivelmente o ápice de sua jornada artística. Esta é uma edição original que comprei em 1975, aos 15 anos de idade, na primeira tiragem, com o selo de série super luxo. Inclui o encarte com as letras que posteriormente não veio em outras edições. Este disco é incrível e essencial para qualquer apreciador da música brasileira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

plugins premium WordPress